terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Cuidados com o cão no verão

E chegou a época de sol e calor! A grande maioria das pessoas adora este período do ano. Mas muitos se descuidam com questões básicas com seus cães, que necessitam de atenção especial nesta época do ano, pois o calor em excesso pode ser muito prejudicial à saúde dos peludos.

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Dicas - cães que ficarão hospedadados em hotéis especializados durante as férias

Nunca é demais voltar a este assunto, especialmente no mês de dezembro, quando se iniciam os preparativos para as festas de fim de ano e férias e muitas vezes surge a necessidade de deixar o peludo em hoteizinhos especializados enquanto a família sai para viajar.

A melhor opção seria levar o peludo junto, mas nem sempre isso é possível. 

terça-feira, 22 de novembro de 2011

É neste fim de semana: bazar de Natal em prol dos animais!

Se você mora em SP, esta é uma dica interessante para quem deseja comprar presentes para o Natal e ajudar os animais. O pessoal do projeto Matilha Urbana  está organizando o bazar, cuja renda será revertida à castração e tratamento de animais carentes.

Participe!

domingo, 6 de novembro de 2011

Cães que destroem os móveis: o que fazer?

Quem nunca foi “premiado” com móveis e objetos da casa transformados em brinquedos do peludo? Pés de mesas e cadeiras roídos, tapetes picados em mil pedacinhos, banquinhos transformados em verdadeiros “ossos recreativos”, sofás e almofadas que, de repente, são um amontoado de espuma!

Este tipo de comportamento costuma ser muito comum em filhotes, mas pode perdurar por toda a vida adulta, se o cão for bastante ativo ou até mesmo ansioso em demasia.

A boa notícia é que há meios de se prevenir e modificar este comportamento.

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Dúvida de leitor respondida no Mãe de Cachorro: compulsão por lambedura

Depois de um período de silêncio (que não deve mais acontecer!), respondemos questão lançada por leitor do Mãe de Cachorro, referente a lambedura excessiva das patas.

Este problema pode ser considerado um distúrbio comportamental quando se notam feridas na pele causadas por atos do próprio cão. Há casos de peludos que lambem as patas até formarem-se feridas enormes, mordem o próprio rabo até arrancar pedaços, dentre outros atos.

Alguns outros comportamentos podem também ser considerados como compulsão: perseguição de sombras ou reflexos, ficar parado por muito tempo.

Mas é importante destacar que, muitas vezes, este tipo de reação surge como algo natural para os cães, somente podendo ser classificado como compulsão por um profissional experiente e quando sua frequência é absolutamente fora do normal.

Para ler a resposta à dúvida do Mãe de Cachorro, clique aqui

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Buracos no jardim: como evitar?


Não, seu cão não faz buracos por todo o seu jardim apenas para te irritar! Ele age assim, pois cachorros simplesmente adoram cavar buracos na terra ou areia!

Este é um instinto natural deles que adotam o comportamento por diversas razões: para enterrar ossos ou objetos que apreciam, para “ajeitar” um local fresco onde para deitar, ou mesmo para aliviar o estresse.

Mas, algumas vezes, cavar por aí pode se tornar um transtorno para o dono, que acaba vendo o lindo jardim, fruto de um caríssimo projeto paisagístico, simplesmente desaparecer...

sábado, 10 de setembro de 2011

Treino para que o cão aprenda a fazer as necessidades dentro de casa

Lá vou eu tomar bronca...
Um dos "problemas" que mais desgasta a relação humanos x cão consiste no xixi e cocô pela casa toda. As pessoas costumam ficar muito irritadas com isso, e há inúmeros casos em que o cão é doado por conta deste comportamento. 

Vale destacar que os cães não nascem sabendo que devem fazer suas necessidades em jornal ou tapete higiênico! Aliás, nem faz parte de seu instinto natural utilizar esse tipo de local. Assim, como se trata de um comportamento desejado pelos humanos, cabe aos mesmos humanos agir com coerência e respeitar o ritmo de aprendizado do peludo. Este treino depende muito da dedicação e paciência do dono. 

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Mitos e verdades sobre a castração


A castração é um assunto bastante discutido atualmente por todos aqueles que convivem com cães.

E, no que se refere a este tema, amplos debates já foram travados, estudos realizados e já não restam mais dúvidas de que promover a castração de animais de estimação é a medida mais eficaz para evitar abandono e maus-tratos a cães e gatos, pois evita-se o nascimento de inúmeros filhotes quem em grande parte das vezes, acabam não encontrando um lar... O número de descendentes que uma única fêmea pode gerar é impressionante:


quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Medo excessivo de clínicas veterinárias ou pet shops: o que fazer?

Scu e Ana, num momento de cumplicidade

Quando a Ana, do Aujudando Aumigos, me contou do pavor que sua linda Golden Scully tem ao adentrar clínicas veterinárias, pensei em escrever sobre o tema, já que este é um problema que atinge muitos cães. Como ela também teve a mesma ideia, combinamos que ela faria um relato acerca do comportamento da Scu nestas situações:

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Vídeo: socialização de cão e gato

Recebi o vídeo abaixo de meu querido sogro Alaor e não preciso nem dizer o quanto gostei!!

Trata-se de uma clara demonstração sobre a possibilidade de um cão e gato conviverem muito bem! 

De qualquer forma, eu tomaria bastante cuidado na aproximação de um gatinho tão pequeno com um cão deste tamanho, para evitar que, mesmo brincando, ocorresse um acidente!



segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Como lidar com xixi por medo e por excitação?

É relativamente comum ouvir relatos sobre cães que urinam involuntariamente em determinadas situações – especialmente aquelas de muita euforia, na chegada dos donos ou de visitas.  A grande maioria das pessoas costuma afirmar que o pet está “fazendo xixi de tanta alegria”!

Mas, na verdade, esse é um comportamento que pode ser sinal de um momento de muita ansiedade ou medo extremo para o cão, o que não é nada saudável...

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Ansiedade de separação - texto completo sobre o assunto no Mãe de Cachorro


A iniciativa da Ana Corina, do Mãe de Cachorro, foi sensacional: reunir profissionais da área de comportamento canino para falar sobre este assunto que aflige cada vez mais os cães e seus donos. 

A Sara Favinha, da Tudo de Cão, a Emmanuelle Moraes, a Franciele Montagnani, da Cão Obediente e eu, nos revezamos para falar do assunto de forma bem detalhada. 

O conjunto ficou bem legal e está disponível aqui.

terça-feira, 26 de julho de 2011

Xixi em casa ou na rua?

Muita gente me questiona acerca da viabilidade de se acostumar o cão a fazer suas necessidades somente na rua. Acreditam que, assim, terão menos trabalho ("caca" na rua = menos trabalho em casa) e poderão aproveitar a oportunidade para passear com o cão. 

Ocorre que a realidade não é nem tão simples, nem tão lógica assim... Para os cães, aliviar-se na rua, durante os passeios, é realmente uma delícia! Ali, eles sentem os cheiros de outros cães, bem como os sinais deixados por estes e não terão o inconveniente de ficar perto da "sujeira".

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Bronca despersonalizada: o que é, e quando usar?

Eu só queria um pedacinho do sanduíche...


A utilização de broncas para reprimir alguns comportamentos indesejados dos peludos tende a ser um assunto polêmico. Isto porque muitos confundem “bronca” com crueldade ou castigos físicos.

Fica aqui o alerta: nunca, em hipótese alguma, deve-se utilizar de força física, brutalidade ou violência para com um cão ou qualquer outro animal. Nem mesmo quando o comportamento deixa consequências muito desagradáveis, como móveis e objetos estragados, ou mesmo quando o cão se mostra agressivo.

terça-feira, 12 de julho de 2011

Bebês chegando x cães da casa: Parte II

O tema é tão amplo e cheio de nuances que teve que ser dividido em duas partes. Hoje, saiu a segunda parte do texto sobre como fazer da convivência entre cães e bebês algo saudável, tranquilo e divertido!

Observar as reações, o comportamento tanto dos cães quanto das crianças quando estão interagindo é uma experiência deliciosa! E se a aproximação for feita com alguns cuidados e paciência, trará resultados muito positivos! 

Não perca o post no Mãe de Cachorro: clique aqui!

terça-feira, 5 de julho de 2011

Bebês chegando x cães da casa: sim, isto pode dar muito certo!

Quando a querida Ana Corina, do Mãe de Cachorro, me pediu para escrever sobre este tema, logo me lembrei de minha amiga Dani que, ao engravidar, afirmava categoricamente que jamais iria se desfazer do Marley, o lindo e gigante Boxer, que vive com ela e o marido num apartamento, contrariando várias pessoas que pregavam o contrário.

Hoje, passados quase três anos, a promessa se cumpriu e a Bibi tem uma convivência absolutamente harmônica com o Marley, desde o momento em que saiu da maternidade para casa, sem que nunca tenha ocorrido qualquer incidente, como atestam algumas fotos dos dois juntos logo abaixo.

Isto é, sim, possível, e o relato acima serve apenas para demonstrar que, com paciência, consistência e respeito pelo cão, o dia a dia da família com um novo membro será muito feliz!! A Dani tomou todas as precauções que relatei no texto preparado para o MDC, que pode ser lido aqui



sábado, 25 de junho de 2011

Como apresentar cães evitando brigas

Muitas pessoas ignoram a importância de uma boa apresentação de um cão a outro, especialmente se a situação importar na introdução de um novo amigo numa casa que já tinha um peludo como “morador antigo”.

Se o primeiro contato de ambos gerar reações agressivas ou mesmo uma briga, a relação dos cães pode ficar comprometida para sempre, gerando até situações de perigo constante.

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Seu cão se recusa a comer a ração? Saiba como ajudá-lo!

Não quero...

Todos aqueles que tem um cão como companheiro sabem que cuidar para que ele tenha uma boa alimentação é essencial para seu bem estar.

Mas há um problema bastante comum e aflitivo que pode ocorrer mesmo com cães que são alimentados com rações de ótima qualidade: eles simplesmente se recusam a comer. Ou não comem com muito apetite, deixam restos no prato, para desespero de seus donos...

Esta foi uma dúvida de um leitor do Mãe de Cachorro. A querida Ana Corina pediu que eu ajudasse, e a resposta foi publicada lá ontem e pode ser lida aqui.

Mas como este é um problema bastante comum e há muita controvérsia sobre o que e como fazer, o assunto veio para o blog de forma mais detalhada.

segunda-feira, 6 de junho de 2011

Como evitar que os cães arranquem as roupas do varal?

A maioria das pessoas que mora em casa com quintal e tem a companhia de um ou mais cães já passou por esta situação: ao chegar em casa, percebe que as roupas que estavam secando no varal se transformaram em mil pedaços de pano espalhados pelo chão!

E como evitar este comportamento, que pode gerar um enorme desfalque no guarda roupa do dono? Não é tão difícil assim, analisando-se a situação pelo ponto de vista do cão.

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Festa de Adoção no CCZ/SP - amanhã 28/05 - Não percam!

O CCZ/SP fará uma grande festa visando adoção de lindos cães e gatos!

Não percam a oportunidade de encontrar um amigo querido lá! Vale a pena comparecer, prestigiar e adotar!

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Vídeo: cão conversando - literalmente!

Recebi este vídeo da amiga Pati e não poderia deixar de vir para cá: é muito divertido!

sábado, 21 de maio de 2011

Alerta: nunca é demais tomar cuidados ao contratar um adestrador

Infelizmente, o assunto volta à tona por um motivo triste: um "adestrador" foi preso em Campinas/SP, ao ser flagrado espancando um Pastor Alemão que estava sendo '"treinado". A notícia pode ser lida aqui. É triste, revoltante, chocante.

Por isso, neste momento em que profissionais que AMAM os cães divulgam amplamente técnicas baseadas no reforço positivo, além de prezarem pelo bem estar do cão, fica aqui, novamente, o alerta: cuidado ao contratar um profissional para treinar seu cão. Desconfie de quem cobra para ficar com seu peludo por um período para "devolvê-lo adestrado".

Mais dicas sobre como contratar um VERDADEIRO adestrador podem ser lidas neste post já publicado no blog. 

terça-feira, 17 de maio de 2011

Dúvida de leitor respondida no Mãe de Cachorro: como ajudar cão comunitário que ataca pessoas na rua?

Ontem o CãoAmor respondeu uma dúvida de leitor do Mãe de Cachorro: o cãozinho ataca pessoas que passam na rua onde costuma ficar. Uma situação delicada e perigosa, tanto para os transeuntes quanto para o próprio peludo.

Veja a resposta clicando aqui.

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Xixi no pneu do carro: como evitar?

Este é um comportamento que pode parecer cômico, se não fosse trágico para alguns donos de cães, que acabam vendo as rodas dos carros enferrujarem depois de tantos xixis por ali...

Entendendo o motivo da “preferência”

Quando o automóvel se movimenta, os pneus passam por locais com os mais diversos e variados cheiros, que ficam impregnados na borracha.

Para os seres humanos, isto não faz nenhuma diferença. Afinal, somos dotados de "apenas" uma média de 6 milhões de células olfativas. Mas, para os cães, que em determinadas raças podem chegar a ter 300 milhões de células olfativas, um pneu de carro é um verdadeiro “mural de informações” sobre o que está acontecendo no mundo exterior!

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Mitos e verdades sobre comportamento canino

Em todos os âmbitos da vida cotidiana das pessoas, há paradigmas que permanecem inalterados por anos a fio, sem que se saiba ao certo sua origem e cujos embasamentos podem ser totalmente distorcidos.

No que diz respeito ao comportamento dos queridos amigos peludos, a situação não é diferente. Muito pelo contrário: há “verdades” que passam de geração para geração e consistem em ideias distorcidas sobre as reações e atitudes dos cães.

domingo, 8 de maio de 2011

CãoAmor agora tem logomarca!

Depois de um período sem postagens, nada melhor do recomeçar com "cara nova": agora o CãoAmor tem um logo, uma identidade visual, que ficou exatamente como sempre imaginei! E isso só foi possível graças a ajuda da querida amiga Priscila Magalhães, do excelente blog Amo Cachorros, que o elaborou e me ajudou a inseri-lo aqui.

Fica aqui meu sincero agradecimento à Pri e meus parabéns pelo blog Amo Cachorros, que está cada vez melhor!


quarta-feira, 20 de abril de 2011

Vídeo - Shih Tzu e Greyhound

Este não poderia deixar de vir para o blog!

A comunicação entre os dois é engraçada e o Shih Tzu se mostrou bastante "altivo" e corajoso!

E o grandão, poe sua vez, está desesperado para brincar um pouco!

É muito importante deixar que os cães se comuniquem, mostrem uns aos outros o que pretendem, mas com cuidado quando se tratar de cães com tamanhos tão diferentes, como é o caso...



sexta-feira, 15 de abril de 2011

Por que os cães odeiam ficar sozinhos?

Muitas pessoas, ao buscar um cão ideal, questionam sobre qual seria a melhor raça para ficar sozinha durante várias horas por dia. Mas a resposta mais correta a esta pergunta é: nenhuma raça! Ou seja, nenhum cão deve, idealmente, ser deixado sozinho por longos períodos, pois eles simplesmente sentem-se péssimos nesta situação!

domingo, 10 de abril de 2011

Entendendo o Centro de Controle de Zoonoses

Lindo e pronto para ser adotado no CCZ!
O CãoAmor está voltado para tudo que diga respeito a comportamento canino. Mas nunca é demais falar um pouco sobre iniciativas muitas vezes desconhecidas, que visam o bem-estar de cães e gatos.

Por isso, resolvi falar um pouco sobre o trabalho desenvolvido pelo CCZ de SP.

Você sabia que é possível adotar um lindo cãozinho ou gatinho no Centro de Controle de Zoonoses - CCZ? Que existem também formas de trabalhar em prol destes queridos companheiros enquanto estão ali abrigados? Este texto visa, justamente, trazer ao conhecimento do público informações bem legais sobre esse assunto.

domingo, 3 de abril de 2011

Importância da casinha de cachorro

A maioria dos donos de cães tem consciência de que o cão deve ter uma casa.

Mas, muitas vezes, as pessoas não se dão conta de que a necessidade de um peludo em ter seu “cantinho” envolve mais do que ter um verdadeiro “lar”, como na concepção humana...

sexta-feira, 25 de março de 2011

Como acostumar o cão a andar de carro?

Praticamente todos que vivem na companhia de cães se deparam com a situação de, em algum momento, levá-los para andar de carro. Isto é necessário para idas a parques, casas de outras pessoas, além de consultas ao veterinário e banhos no pet shop.

A maioria dos cães costuma adorar passeios de carro, já que a experiência, do ponto de vista deles, assemelha-se a ter a sua “toca” andando por locais onde há um sem fim de cheiros, barulhos e situações novas! Sim, para os cachorros, o automóvel acaba se tornando um local seguro, fechado e agradável e, mais interessante ainda: leva-os de lá para cá por locais incríveis!

Mas alguns peludos, por outro lado, acham a experiência desagradável, especialmente os mais medrosos e inseguros. Também aqueles que costumam enjoar com o movimento acabam associando estar dentro do carro com aquela sensação ruim, o que torna este momento um verdadeiro tormento!

Assim, vamos a algumas dicas para que o cachorro se acostume com passeios/viagens de carro e associe este momento a algo prazeroso.

quarta-feira, 23 de março de 2011

CãoAmor esclarece dúvida de leitor do Mãe de Cachorro: cão que pula muro!


Recebi mais uma solicitação da querida Ana Corina para responder a dúvida de uma leitora do Mãe de Cachorro.

A situação é interessante e peculiar: a cachorrinha pula o muro, vai para o quintal do vizinho e depois, para a rua, volta para sua casa e fica latindo no portão para que os donos a deixem entrar...

Para ler a resposta, clique aqui.

segunda-feira, 21 de março de 2011

Socialização de cão com gatinho

A socialização dos cães é extremamente importante também no que diz respeito a convivência saudável deles com animais de outras espécies:

sábado, 19 de março de 2011

Ter um ou mais cães? Eis a questão...

Já fui questionada em mais de uma oportunidade acerca deste tema: é melhor ter um, dois, ou mais cães em casa? Problemas comportamentais surgem com maior frequência quando o cão vive numa casa composta somente por seus "humanos de estimação" ou quando há convivência também com outros cães?

terça-feira, 8 de março de 2011

Novidade - lançamento da Revista Au.

No dia 03/03, foi lançada a primeira edição da Revista Au., publicação com conteúdo muito rico para todos os aficcionados por cães. A revista é feita exclusivamente para visualização através de IPad, o que é bastante inovador e acompanha os avanços da tecnologia!

Parabéns ao Allysson, idealizador do projeto! E obrigada pela honra de publicar nosso texto sobre como escolher um adestrador nesta primeira edição!

Para saber mais e acompanhar as novidades, basta acessar a página da revista no Facebook: www.facebook.com/Au.Revista.


sábado, 5 de março de 2011

Sons que eles ouvem

Cães são dotados de uma capacidade auditiva muito maior do que a dos seres humanos.

É o que afirma Alexandra Horowitz, no excelente livro "A Cabeça do Cachorro": "eles conseguem detectar sons até 45 quilo-hertz, muito mais altos do que as células capilares de nossos ouvidos. Daí, o poder do apito próprio para cães, um dispositivo aparentemente mágico que não emite nenhum som audível para nós e que, no entanto, atinge os ouvidos caninos a quarteirões de distância. (...) Até mesmo um cômodo normal palpita com frequências altas, constantemente detectáveis pelos cães. Você acha que seu quarto é calmo quando levanta de manhã? O ressonador de cristal usado nos relógios despertadores digitais emite um alarme constante de pulsos de alta frequência percebíveis pelos ouvidos caninos. Os cães conseguem ouvir o trinar navegacional dos ratos atrás das paredes e as vibrações corporais dos cupins. Sabe aquela luz fluorescente compacta que você instalou para economizar energia? Você pode não ouvir o zumbido, mas seu cão provavelmente ouve."

Assim, que tal dar um descanso para os ouvidos caninos e ainda ajudar a preservar o meio ambiente?

Quer saber como? Veja no vídeo abaixo:

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Como separar uma briga entre cães? Resposta no Mãe de Cachorro

Já falei sobre agressividade no blog em algumas oportunidades (leia aqui o primeiro post sobre o tema). Já neste outro post, falei sobre como identificar os sinais de agressividade (isto é importante, pois algumas reações dos cães que denotam agressividade costumam ser interpretadas como brincadeiras...). Finalmente, neste outro texto tratei de mitos e verdades sobre agressividade x raça. 

Recentemente, a amiga Ana Corina, do Mãe de Cachorro, me pediu para esclarecer uma dúvida de uma leitora sobre como agir para separar uma briga entre cães, especialmente grandes e fortes.

A resposta foi publicada ontem, e está disponível aqui.

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Artigo sobre socialização no Aujudando Aumigos!

Ana e Scully
Considero, atualmente, que uma boa socialização e muito enriquecimento ambiental são itens essenciais (se não os mais importantes) para que o cão viva de forma mentalmente saudável.

Já falei sobre enriquecimento ambiental e sua importância aqui. O cão precisa ter atividades, ocupar a mente, para que não direcione esta necessidade para comportamentos destrutivos, por exemplo.

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Latidos em excesso: o que pode causar e como agir?

Todo cão late, isto é fato. Latidos são sua forma de comunicação, que podem demonstrar que estão com dor, alertas, com medo... Pessoas que não gostam de latidos não devem ter a companhia de cães.

Mas o problema surge quando os latidos são excessivos, ininterruptos, altos. Os vizinhos reclamam, as pessoas da casa ficam irritadas. E os cães sofrem com tamanho estresse. Cães que latem sem parar certamente estão com algum problema, de origem fisiológica ou comportamental, que precisa ser analisado e tratado.


quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Dicas para passear com o cão sem ser arrastado

Todos sabemos o quanto os passeios são importantes para o cão que tem chance de gastar energia, se aliviar, cheirar e sociabilizar com outros companheiros da mesma espécie.

Mas, por outro lado, quem nunca passou pela experiência de tentar fazer um passeio calmo e tranquilo com seu cão e de repente, ser praticamente derrubado no chão quando o peludo vê algo interessante um pouco mais à frente?

Esta é uma situação bastante comum, que pode acontecer tanto com cachorros grandes quanto com pequenos (que viram, de repente, pequenos e saltitantes cangurus!). Mas há solução para este problema e, com treinos e disciplina, é possível tornar o passeio agradável!

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Como escolher um VERDADEIRO adestrador?

A querida Ana Corina publicou hoje, lá no Mãe de Cachorro, um post falando sobre cuidados ao escolher um adestrador. Achei bastante conveniente e útil, mas é preciso levar também em conta o outro lado da moeda: adestradores sérios e dedicados acabam sofrendo preconceito em razão da conduta incorreta de outros!

Como em qualquer profissão, existem bons e maus profissionais. Eu, particularmente, classificaria os que se intitulam "adestrador" apenas para ganhar um extra no fim do mês como oportunistas! O problema é que a fama acaba se estendendo para outros adestradores comprometidos, o que é bastante ruim.

O maior problema é que, no Brasil, não há regulamentação (ainda) para a profissão. Assim, não há quem fiscalize o trabalho deste profissional. Mais uma brecha, portanto, para o surgimento dos espertalhões de plantão.
  

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Enriquecimento ambiental - a importância de entreter o cão

Para que o objetivo deste post fique bastante claro, vale uma reflexão sobre o modo de vida da grande maioria dos cães nos dias atuais, especialmente aqueles que vivem nos grandes centros urbanos.

Com a diminuição do tamanho das casas, o crescente número de apartamentos e, consequentemente, a falta de quintais espaçosos, os cães estão cada vez mais dentro das casas, convivendo de perto com as pessoas.

Mas, por outro lado, as pessoas também estão cada vez mais ocupadas em suas atividades que, na grande maioria, não são exercidas no lar doce lar... Consequência imediata: os cães são deixados sozinhos, muitas vezes por longos períodos do dia. E, aliado a essa realidade, sem muitas atividades, físicas ou recreacionais.

E isto é péssimo para a saúde mental dos peludos. Cães são animais que, por natureza, devem gastar energia diariamente. Os lobos, seus parentes distantes, passam grande parte do tempo caminhando, à procura de comida, cuidando dos filhotes, procurando abrigo. Os cães de hoje em dia não fazem nada disso. Muito pelo contrário: recebem tudo de forma bem fácil, de "mão beijada".

Assim, muitos cães acabam desenvolvendo problemas comportamentais graves como lambedura excessiva das patas, compulsões, comportamentos repetitivos, sonolência, apatia ou latidos em excesso, ansiedade, dentre outros.

O que fazer, então? Dar-lhes ATIVIDADES! Coisas para fazer, se distrair, farejar, procurar, roer, destruir. Sim, pois um cão entretido é um cão saudável!

A seguir, algumas dicas que ajudam a enriquecer o ambiente com atividades que ocuparão a mente do cão e promoverão gasto de energia (destacando que os passeios, aqui pensados como atividade física, são essenciais para todos os cachorros).

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Coprofagia ou hábito de comer fezes

O hábito de comer fezes vem sendo cada vez mais relatado pelos donos de cães e, muitas vezes, chega a causar tamanha aversão nos humanos que acabam por doar seus cachorros caso o problema não seja solucionado. Assim, cabe aqui um breve estudo sobre as prováveis causas e como lidar com a situação.

Coprofagia, ou comportamento de ingerir fezes é verificado em alguns cães, sendo muito raro em gatos. Pode consistir na ingestão das próprias fezes, das fezes de outros cães ou de outros animais, inclusive de seres humanos. As fezes dos gatos costumam conter elementos atrativos para os cães, razão pela qual a coprofagia não é incomum em residências onde cães e gatos convivem juntos, já que a caixa de areia dos gatos torna-se algo bem interessante para os peludos!

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Blog de volta, com novidades sobre adestramento e comportamento canino!

Depois de um período longo sem postagens, cá estou novamente, inspiração renovada por novas ideias para o blog!

Apesar do blog ter, desde o início, o objetivo de ser um local direcionado a todos os que curtem cães, já há tempos venho sentindo  necessidade de concentrar os temas dos textos. Se refletirmos sobre tudo que pode ser abrangido quando o assunto são os queridos peludos, o leque se torna imenso, indo desde a proteção aos abandonados até castração, posse responsável, saúde, vacinação, dentre inúmeros outros.